segunda-feira, 8 de abril de 2013

Bastão & Mochilas



Toca o telemóvel… “as saudades que eu já tinha da minha aleg…”
- tou…
- tás… és tu Bastão? É o Mochilas… tás em casa?
- tou…vou ver umas fotos da caminhada de ontem queres ver também vem cá ter…
- tabém… ê vou ter contigo… tens uma bejeca e uns morfes pá gente sentreter?
- tenho… anda lá…
Desliga e… “tlimtlãotlimtlão”
- isto tá concorrido… quem é que estará à porta?
Abre a porta…
- Mochilas! já aqui estás? Vieste a voar ou quê?
- na… tava mesmo aqui…
- então se estavas aqui para quê o telefonema?
- pa saber se tavas em casa e pa experimentar o telele novo…
- tens um telemóvel novo… boa… quando e com que dinheiro é que o compraste?
- com o Money que ganhei nos bules!
- hãn… arranjaste emprego… grande sorte a tua!
- bem bacano podes crer… um contrato de três meses com o ordenado mínimo… fixe!
- muito bom! E quando é que começaste? Já tens dinheiro e tudo!
- é pá comecei ontesdonte… mas disse ó chefe que precisava de guito e ele… ok toma lá…
- tou espantado! No fim do mês vão-to descontar! Vê lá se poupas…
- cal fim do mês cal quê… já na vou mais!
- ????????????
- atão na é co gajo qria queu trabalhasse! Eu disse: «ó bacano… o que tu pagas na dá nem pa picar o ponto quanto mais trabalhar» o gajo na gostou e no fim do dia pagou-me e: «pa eu na pôr lá mais os pés…»
- um contrato de três meses durou um dia… os teus records são impressionantes! E não tinhas onde gastar o dinheiro sem ser num telemóvel? Deve ser para levar o caminho do outro que perdeste não? Mostra lá…
- é bacano… dá pá gente fazer chamadas e mais qualquer coisa queu na malembro… vês…
- ó Mochilas… isto é um tijolo! É um telemóvel que se usava há trinta anos! Tu levaste foi um barrete… quanto é que deste por isto?
- o marmanjo quemovendeu disse quera preço pámigos, perguntou-me canto dinheiro tinha e eu falei-lhe quera o que tinha recebido por andar nos bules e ele só me levou pelo aparelho o quê tinha, nem mais um tusto…
- é pá… tu deste o dinheiro todo que ganhaste por esta porcaria? E quanto foi? diz?
- vinte euros…
- VINTE EUROS??? Tu ganhaste vinte euros num dia de trabalho e deste-o todo a um gajo qualquer em troca dum camafeu do seculo catorze?
- na sei porqué que tás zangado? Sê na tivesse trabalhado pa ganhar o guito pa comprar o tijolo como tu dizes, comé queu sabia que tavas em casa agora?
- e isso recebe chamadas? Dá-me o numero…
- 910019190
Liga para o amigo… “e se elas querem um abraço ou um bei…”
- isto é o teu toque do telemóvel???
- na gostas? Tá do baril… quando as gajas ouvem este toque até se arrepiam todas e eu vejo ca vontade delas é entregarem-se todas cá ó finório…
- tou a ver… e já muitas ouviram?
- foste o primeiro a ligar pra mim… como queres queu saiba quantas ouviram se tamos em casa? tens cada uma… ás vezes nem pareces tu…
- desisto… vamos ver fotografias para me animar…
- esta conversa fez-me sede… onde tens as bejecas?
- no frigorifico… tá ai presunto queijo amend… para que é que estou sempre a dizer a mesma coisa, tu já sabes onde estã…
Entra o Mochilas com cervejas e uma porrada de coisas para comer…
- na tens pão?
- não! Acabou hoje de manha e ainda não fui comprar…
- é pá… assim é muita mau… um gajo a comer queijo e presunto sem pão é como dizia a minha mãe… um desgoverno…
- então… vais lá abaixo ao minimercado ali da esquina e compras!
- há… deixa tár… uma vez por acaso tamém na faz difrença… vai memo assim!
- ok… estava a estranhar essa preocupação com o desperdício…
- hoje podes falar caro à vontade queu na quero chatices… onde é que tão as “piquetures”?
- ali! A passar no LCD!
- aquilo? Pensava que era um daqueles filmes marrões que tu costumas tár a ver?
- não! São as fotos da caminhada que ontem o Francisco e o resto da malta fez…
- e tu tás a ver isso… na te custa?
- é um bocadinho penoso… mas também me divirto a ver que o pessoal teve um grande dia, correu tudo bem, tiraram boas fotos, registaram momentos para a posteridade e acabaram com muita alegria e com certeza num grande confraternização lá numa baiuca qualquer…
- né isso! Na te custa tár a ver imagens sem porrada e tão paradas que os olhos já me tão a fecharsse…
- não se te focares no que a imagem representa! Estás a ver a malta em grupo ou em fila indiana a fazer pandam com a natureza, as paisagens verdejantes, os moinhos as flores as ribeiras a bordejar nas margens, cascatas que lembram restos dum paraíso que se esconde no verão para nos encantar no inverno… tenho pena de não ter lá estado mas as imagens perduram e na próxima lá estarão, diferentes, mas com o encanto imaculado…
- rooonnn…rooonnn…rooonnn…
- porra… ó Mochilas… deixa lá de roncar ou então vai dormir para o quarto… fazes mais barulho do que uma manada de elefantes a acasalar! Vou á casa de banho e buscar uma mini para beber também que este gajo é cá uma seca…
Cinco minutos depois…
- ó Mochilas… bebes-te as minis todas?
- na sei… só bebi as que lá tavam…
- poooorra… doze… um pack que comprei ontem de onde só tirei uma para mim…
- atão qué queres… as fotos fizeram-me sede…
- ouve lá… o que é isso que tá a passar no LCD?
- é um disco co gajo do tele mofereceu…                    
- mas isso é pornografia!
- naaaa… o gajo disse quisto chamava-se “os salteadores das grutas húmidas”… na foi esse nome que tu lhe chamaste…
- Mochilas… pornografia é um género de filmes não é o nome dum filme… e é um género de filmes pa gente adulta o que me parece não ser o teu caso pois só tens coisas de criança na pré adolescência… iiiiirra, não fazes nada de jeito!
- olha Bastão… sou um ganda frenne teu mas tratarsme assim deixa-me com tanto desgosto queu já na posso tar aqui nem mais um bocadinho pa tóvir os tês sermões… que mal te fiz pa tu te zangares dessa manera porqueu gosto de ver umas boazonas e uns gajos… bem tamém na quero dizê tanto… mas elas vale a pena… mas sa ti tincomoda voumenbora e na peças pa ficar… vê lá essas “piquetures” que tu gostas… e dexa cá queu hede mandar-te uma dúzia de mines pelo correio… na quero que chores e andes a dizer queu sou mal agradecido… adeus!
- espera ai ó Mochilas… e se agente acabasse de ver o filme e depois vemos o resto das fotos?
- …. tá bem! Mas é melhor ires ao minimercado ali da esquina buscar mines porque já na tens pá gente descomprimir…
O que se segue é para maires de 18 anos…